Somente algumas palavras

Oi! Eu só queria poder te dizer somente algumas palavras. Só espero que o clima entre nós, não fique estranho. Mas no fundo, eu sinto que você já sabe. Acontece que ultimamente eu me sinto estranha. Já me peguei tantas vezes rindo por estar pensando em você.

E agora não sei se devo dizer ou demonstrar. Ou os dois ao mesmo tempo?. É mais facil ficar em silêncio e não admitir nada. Mas eu já não consigo aguentar. Você precisa saber.

Você percebeu que eu estava começando a gostar de você, não é mesmo?. O engraçado é que percebeu antes de mim mesma. Oh céus!, desde quando eu comecei a te olhar de um modo diferente?. Okay. Uns tempos atrás eu tambem pensei que gostava de você. Gostava?. Eu não sei. Na verdade, eu não sei se gostava ou ainda gosto.

Acredite eu pedi conselhos para pessoas mais experientes nesses assuntos e que eu sou mais próxima. Todos chegaram a seguinte conclusão: “Você com certeza gosta dele”.

Sério!. Eu não quero estragar nossa amizade. Afinal, eu sempre gostei de quando ficavamos juntos conversando na sala, e as vezes até mesmo de mão dadas. Quando cantavamos Blink 182, ou I gotta find you ou This is Me da trilha sonora de Camp Rock.E de quando falavam que nós dois parecia namorados. Nós nem se importavamos, não importava o que acontecia estavamos sempre juntos.

Mas o ano termino e nas férias você me disse que tinha começado a namorar. Eu não sabia se ficava feliz ou triste. Triste?. Foi então que eu percebi que eu tinha você. Tinha. Mas te perdi e nem percebi.

Droga!.  Bem que aquela frase que vivem postando no facebook tem razão: “Só começamos dar valor as coisas que temos, depois que perdemos.”

Os dias se passaram. Estavamos em colégio diferente. Eu tinha que te ver. Ainda eramos amigos.  Fui na sua casa. Você estava tão bonito com aquele short azul escuro que realça a cor da sua pele clara. Cabelo tudo bagunçado e sem camisa. Sentamos em frente ao seu portão e ficamos conversando. Fiquei tão feliz quando você disse que tinha terminado o seu relacionamento. Pode ser egoismo da minha parte ou não, afinal foi você que terminou com ela. Mas tudo bem, eu admito, eu fiquei feliz. Eu tinha você de volta.

Você deitou no meu colo, ali na calçada mesmo. Você comecou a lembrar dos nossos “micos”. Eu te dei um tapa de leve (pelo menos para mim foi leve) na sua barriga. Você disse “Agora você vai ver”. Eu levantei para que você não conseguisse revida. Quando eu estava virada para o outro lado. Você me surpreende. Mas você sempre arruma um jeito de me surpreender, mas dessa vez foi diferente. Você me abraçou por trás. E foi tão reconfortante, me senti feliz e segura. Neste momento decidi que enquanto houver este sentimento e enquanto houver nossa amizade. Eu não vou deixar você partir.

Bom, é isso. Só de imaginar dizendo isso para você, parecia que meu coração ia sair pela boca. Tensão. Medo. Ansiedade. Apesar que é assim que estou me sentindo no momento.

Anúncios

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s